Porque você não tem vontade de compartilhar a sua fé

ASSITA O VÍDEO – Já faz tempo que se ouve líderes lamentando que seus membros não compartilham a sua fé, e os que fazem, o fazem raramente. Sabemos que o seguidor de Cristo tem o dever de espalhar essa boa nova a todos os seus amigos, mas por que mesmo assim não o fazemos?

O escritor Jonah Berger, que escreveu o livro Contagious, onde relata os motivos que nos impulsionam a compartilhar uma notícia, em um capítulo ele revela insights de um estudo, que procurou descobrir porque alguns artigos online são compartilhados mais que outros. Várias ideias foram destacadas, mas a mais forte foi que, os artigos que levaram um sentimento de admiração para os leitores foram 30 vezes mais propensos a serem compartilhados. Os leitores são muito mais impulsionados a compartilhar algo que lhes evoca um sentimento de temor, de admiração.

Simplesmente, não podemos deixar de espalhar noticias que achamos incríveis.

Embora o livro seja direcionado para os profissionais de marketing, ele traz muitas verdades para os seguidores de Jesus Cristo. De acordo com a pesquisa, se eu não estou compartilhando o evangelho, é porque eu perdi meu senso de temor e apreço por ele.

A razão porque a maioria das pessoas em nossas igrejas não compartilham o evangelho não é porque eles não participaram de um curso, não lhes está faltando treinamento. Não compartilharmos o evangelho com nossos amigos porque perdemos o senso de temor, de admiração para com o nosso Deus. Perdemos o senso do quão grande sacrifício foi feito por Ele para nos salvar. Não sentimos mais a necessidade das coisas espirituais e nem temos tanta vontade assim de vivermos no céu. A verdade é que só sonhamos com o céu, quando temos graves problemas em nossa vida, e queremos fugir dessa terra. Ao não compartilharmos a nossa fé, simplesmente revelamos que perdemos a noção do que é pecado e a graça divina.


Se entendermos que o nosso Deus é maravilhoso, é santo, é eterno e montou um plano universal para resolver o maior problema desse planeta. Se entendermos que o seu filho veio aqui e se tornou um homem e sofreu a morte para nos salvar, é claro, vamos compartilhar essa notícia. Se estamos convencidos que a notícia sobre Jesus é realmente boa, nós vamos divulgar.

Quando os líderes religiosos pediram a Pedro e a João, dois dos discípulos de Jesus, para pararem de falar de Jesus, eles responderam: “Não podemos deixar de falar do que temos visto e ouvido”. Atos 4:20. Seus corações estavam cheios de alegria por Jesus e sua obra por eles. Não havia maneira de eles ficarem em silêncio.

Quando Jeremias considerou não compartilhar o evangelho, ele descobriu que não conseguia manter aquela notícia só para ele, caso contrário ele explodiria. “Mas, se eu digo: “Não o mencionarei nem mais falarei em seu nome”, é como se um fogo ardesse em meu coração, um fogo dentro de mim. Estou exausto tentando contê-lo; já não posso mais!” Jeremias 20:9

Quando achamos algo incrível, nós compartilhamos. Nós espalhamos aquilo que nos enche de admiração. Se você não está compartilhando a sua fé, talvez você esteja precisando conhecer um pouco mais a Deus até ficar cheio de admiração por Ele. Talvez precise ser impactado novamente por Ele até estar cheio do evangelho, que não consiga mais contê-lo dentro de você. Vivamos e prossigamos na busca por Jesus, até não sermos mais capazes de parar de falar do que temos visto e ouvido.

Que Jesus te abençoe.


Rodrigo Bertotti acredita que a igreja local é a mais importante organização do planeta, e está ajudando a transformá-la num lugar onde todos amam estar. Como líder e pastor trabalha na Igreja Adventista no sul da Suíça. É um estudante de liderança, comunicação, igreja e fé, e compartilha suas ideias na igreja, no blog e em suas redes sociais. www.rodrigobertotti.com

Site Footer