5 obstáculos para se ter um casamento cristão

Casamento é uma das melhores coisas que Deus fez, segundo o meu pensamento. É gostoso estar casado e ter uma vida a dois. É bom saber que se tem alguém para dividir os sonhos e projetos da vida. A Bíblia diz em Efésios 5:31, Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois uma só carne”.

Uma só carne.

O processo de juntar duas pessoas completamente diferentes é um processo que pode provocar muito stress. Em meu trabalho com pessoas casadas tenho identificado alguns problemas comuns de casais que enfrentam um stress na hora de se tornar uma só carne. E trago aqui para vocês 5 obstáculos para se ter um casamento cristão.


  1. Falta de conhecimento bíblico sobre o casamento.

Há nada ou pouco treinamento nas igrejas ou nas famílias para se estar pronto para o casamento. Nós temos cursos para fazer a carteira de motorista, temos curso para aprender a cozinhar, podemos facilmente encontrar uma escola de línguas, mas há quase nada para ensinar como se ter um casamento feliz. O fato é que aprendemos depois que entramos nessa vida e apenas temos exemplos para observar. Há uma necessidade de treinamento e de aprendizado para saber como proceder em cada situação.

  1. Diferenças entre homem e mulher.

Homem e mulher foram projetados de forma diferentes por Deus, não somente fisicamente, mas, também emocionalmente. Nós temos uma visão de mundo diferente, nós processamos as informações de modo diferente e nós temos expectativas diferentes do casamento. Eu concordo plenamente que homens e mulheres devem ter os mesmos direitos no trabalho e no campo da educação, mas quando se fala de coração as coisas são distintas. Nós sabemos que Deus nos projetou de forma diversa e temos que nos conhecer para sabermos como viver nestes dois mundos.

  1. Estilos de comunicação.

Por causa das nossas diferenças nós também pensamos distintos. Os homens tendem a se comunicar mais com a razão, já as mulheres preferem usar o coração. Eu e Fabi já tivemos várias discussões por eu usar a razão e ela estar pensando com todo o seu lado emocional. Temos que nos conhecer para aprendermos como termos uma boa comunicação.

  1. Influências externas.

Todo casamento tem influências, mas algumas causam um grande impacto no relacionamento do casal. Algumas estão aqui:

Filhos.

Parentes.

Amigos.

Pressões da vida (stress, busca por grana, sucesso, etc)

Tentações pessoais.

Todas essas são influências normais em um casamento. Algumas, inclusive, são bem-vindas. Mas a chave é identificar o que está nos atrapalhando em nos tornar uma só carne, que é plano de Deus.


  1. Diferentes objetivos.

Lembre-se que cada pessoa é única e, isso significa, que cada um tem seus sonhos, suas qualidades, há uma personalidade própria e tem suas próprias opiniões. E eu repito, foi Deus que nos fez assim. Algumas das maiores diferenças inclui:

Visão da vida. Geralmente um é mais positivo e outro mais negativo.

Estruturas familiares completamente distintas.

Personalidades diferentes. Introvertido/extrovertido; organizado/desorganizado, etc.

Objetivos de vida distintos.

O objetivo do casamento não é ter apenas um modo de ver o mundo. Não é anular duas pessoas e criar uma terceira, mas fazer uma unidade plena de dois seres. Descobrir como misturar essas duas pessoas distintas em uma só carne é nosso grande desafio diário. Isso leva anos, requer prática, muito estudo, paciência e trabalho duro. Lembrando que as diferenças fazem parte do plano de Deus.

Falando do casamento Paulo diz: isso “é um grande mistério” (Efésios 5:32), não é fácil, mas temos o exemplo da Trindade e a promessa de Deus. Se você é casado agradeça a Deus por esse mistério.

Qual outro obstáculo você acrescentaria?



Rodrigo Bertotti acredita que a igreja local é a mais importante organização do planeta, e está ajudando a transformá-la num lugar onde todos amam estar. Como líder e pastor trabalha na Igreja Adventista no sul da Suíça. É um estudante de liderança, comunicação, igreja e fé, e compartilha suas ideias na igreja, no blog e em suas redes sociais. www.rodrigobertotti.com

Site Footer